Tia Elvira
por Cláudia Müller

19 de março, 2017

Esta Matintah é inspirada na minha tia Elvira, que eu conheci, já velhinha, quando era criança em Belém. A tia Elvira era uma figura fascinante e misteriosa, com um profundo conhecimento da natureza! Ela era feiticeira, erveira, benzedeira, uma bruxa do bem. Dizem que ajudava a todos que precisavam, conhecia rezas antigas e poderosas, que aprendeu com os pais ciganos. Era uma legítima portadora de conhecimentos que estão desaparecendo, ou que ainda podemos encontrar nas regiões distantes dos grandes centros urbanos. Ela falava com as árvores, com o vento e com as estrelas, sentia o cheiro da chuva muito antes do céu escurecer, conhecia as aves e o significado das suas vocalizações, interpretava sonhos confusos, falava sobre a História do Mundo que não está nos livros e tinha um baú com objetos que pouca gente podia ver. Uma pessoa interessantíssima que deixou uma marca viva e rica morando dentro de mim.

Você pode encomendar sua Tia Elvira ou solicitar uma peça inspirada em alguém da sua família!

 

+ Matintahs no Email