Dona “Mundica” – Versão II
por Cláudia Müller

19 de março, 2017

Outra versão da minha bisavó! Inspirada pelos relatos das minhas irmãs mais velhas, que guardam as memórias da família, criei Matintahs que carregam os nomes e as histórias de minhas ancestrais. Esta é a Dona Raimunda, minha bisavó, avó do meu pai, Luíz Sandoval, que a chamava de “D. Mundica”. Ela era parteira em Belém do Pará, morava na Rua João Balbi, bairro do Umarizal. Não há fotografias da minha bisavó, mas as histórias que ouvi foram suficientes para alimentar minha imaginação e me ajudar a lhe dar cores, formas e personalidade.

+ Matintahs no Email